31/12/2010

29/12/2010

O Estranho Caso de Angélica

Aos cento e dois anos, Manoel de Oliveira continua a trabalhar intensamente e vê hoje o seu mais recente filme O Estranho Caso de Angélica ser estreado em Nova Iorque nos Estados Unidos!








http://sol.sapo.pt/inicio/Cultura/Interior.aspx?content_id=8011


A Manoel de Oliveira, parabéns pelo trabalho, pela perseverança e pelo exemplo de vida que nos tem dado!

Debate Cavaco - Alegre

Ora sendo este o mais importante dos debates entre os candidatos presidenciais, aqui vai a minha interpretação - em tempo real - daquilo que vou ver. Não fiquem tristes se no final ficarem com a impressão de que é uma análise muito pobrezinha mas nao é com análises políticas que eu ganho a vida. Ora vamos a isto: 
-----


Cavaco Silva está claramente a dar uma imagem de resignado aos problemas do país! Não se trata de insultar quem nos empresta dinheiro, mas de manter o perfil de um país que está empenhado em combater a crise de uma forma séria e frontal! 

Para além disso, essa estratégia de se fazer vítima - "ser acusado 50 vezes..." - é pouco séria - está a tentar ganhar controlo do debate, escolhendo os temas que lhe interessa falar. Ficam questões por responder.

Alegre tocou num ponto chave - as escutas ao PR. É verdade, faltou muita clareza! Cavaco remeteu a resposta para a página da PR - é pouco, resposta pobre.

Mais uma vez Cavaco faz-se na vítima das 50 vezes... na educação... fraco...


Alegre mostra incerteza ao falar sobre detalhes da SLN/BPN.

Cavaco escusa-se a fazer previsões sobre se aprova ou não a proposta de injectar mais 500 M€ no BPN - coisa que para ele é desconhecida uma vez que ainda não foi abordado pelo Governo a esse respeito. 
Alegre está bem ao dizer que tem de haver uma solução definitiva para o BPN.

O minuto final de cada um dos candidatos:
O candidato Cavaco falou numa linguagem mais simples, nota-se que trazia o discurso estudado.
O candidato Alegre pareceu complicar um pouco o discurso no início mas acabou por clarificar o seu público alvo e a razão que o leva a ser o candidato ideal. 




Daquilo que vi, Cavaco parte em vantagem por conhecer melhor as questões centrais abordadas, por trazer o discurso estudado mas perde pontos com a auto-vitimização e o sim-senhor-sou-pequenino-porque-preciso-da-tua-esmola.
Alegre demonstrou alguma insegurança mas esteve bem ao abordar as questões  que Cavaco quis evitar. 


Como percebo tanto de futebol como de política, enquanto comentador de sofá rouge gostei mais do candidato Alegre. 
E quero também dizer que não gosto de marrões armados em superiores que dizem saber ou fingem saber tudo de cor.


Amanha vou ver o que dizem os jornais - se calhar, a minha previsão é tipo maia - só acerto a dizer que vai estar sol - agora se for por cima das nuvens... - isso já não é problema meu.

Quem quer ser Presidente

Se a moda pega por cá....


Deputadas checas posam para calendário
29 de Dezembro, 2010, in SOL online
Alguns membros femininos do Parlamento da República Checa posaram para um glamouroso calendário com o objectivo de sublinhar a crescente importância da presença das mulheres na política do país.
(...)

Duas outras deputadas, uma delas do partido candidato à câmara de Praga, prefazem um total de seis 'modelos', cada uma sendo fotografada duas vezes para o calendário que será vendido para caridade. (...)

SOL

Se a moda pega por cá ainda vamos ver a Manela Azeda o Leite a posar para o nosso primeiro em lângeríe... e depois... vendem-se as fotos para a caridade... tá bem tá, ò melga! !

28/12/2010

Motivo já há (ao final de 5 anos)

Veja-se o vídeo:


A pergunta que fica é se há interesse em tomar as medidas consideradas adequadas para casos em que se configura uma infracção financeira deste género.
Esta situação vem a lume depois há pouco mais de seis meses ter lido notícias como esta: "Metro do Porto está em ruptura financeira e pode parar se Estado não pagar"- o Estado é pai para tudo por isso por isso também deve ser pai para reprimir nesta ocasião  (excelente também para cortar os jobs dos boys e contratar pessoal capaz) em que se descobre que os filhos andam a roubar para proveito próprio em vez de dar dinheiro para a casa!  

O que deve o Governo fazer com estes gestores:
a) demitir
b) demitir e impedir que trabalhem para qualquer cargo relacionado com a função pública nos próximos 7 anos
c) admoestar e deixar que continuem o seu trabalho
d) ignorar e "laissez faire, laissez passer"
e) esperar que o senhor Presidente Cavaco Silva agora em Janeiro lhes atribua uma medalha pelos serviços prestados ao país


Agradeço as vossas sugestões. 

Fugir à pergunta? Não! Quem pensou isso?

Com os devidos agradecimentos ao Folha Seca gostaria de partilhar este excelente cartoon de Henricartoon! 




A indisposição de Cavaco

Após delimitar os contornos da entrevista, permitiu à entrevistadora que passasse à sua segunda vida para passar a fazer perguntas mais honestas.

27/12/2010

Tipo raspadinha... da próxima é que é...

"«Todas as pessoas de bem têm vantagens em esclarecer»


(...) o candidato presidencial, como «pessoa de bem» deve esclarecer melhor o negócio das acções. «Foi um episódio que ficou pouco claro. O professor Cavaco Silva, tendo em conta toda a nebulosa sobre este assunto, tinha vantagens em esclarecer como as comprou e como as vendeu», disse a eurodeputada do PS e membro da comissão política de Manuel Alegre."


Edite Estrela, in IOL DIARIO


Para alguém que nasceu duas vezes (o que lhe valeu o mais alto estatuto de honestidade), não deverá ser difícil explicar com quem andou e como entrou no "carrossel"... 


Excelente tomada de posição por parte do PS!

Um olhar sobre Lisboa

Das muitas vezes que vi este panorama, esta foi a primeira oportunidade de o ver a partir da fila da frente!





(uma dica, vejam o vídeo em ecrã inteiro, clicando para isso no ícone ao canto inferior direito, o das quatro setinhas apontadas diagonalmente para fora)

observando a realidade por outro prisma

Pelos olhos de um economista:


"Como é que se salva o país?
Os portugueses perceberam que estão num grande sarilho. E também importa que percebam como é que aqui chegaram. O desmazelo tem várias características. Uma delas é terem pouca ambição. Outra é a tolerância com maus resultados. O Governo compara-nos com os piores para dizer que estamos bem. Mas o benchmarket é a comparação com os melhores.

E o que é que os portugueses podem fazer?
Indignarem-se. Quando nos dizem que a Irlanda, a Grécia e a Espanha também estão mal, achamos que isto é uma resposta. As pessoas ainda hoje pensam que estamos assim devido à crise internacional."

Entrevista a Joao Salgueiro, in caderno de Economia Público Online

Tipo raspadinha... está quase a acertar!

O programa Combate de Blogs discutiu o debate dos dois candidatos presidenciais Francisco Lopes e Cavaco Silva. Depois de 40 segundos fiquei com a impressão que Scolari tinha razão ao dizer:  "E o burro sou eu??"



Não sendo eu jurista, a serem verdade, não seriam tais alegações matéria criminal suficiente [no vídeo acima, atente-se aos segundos 21 a 40]  para despoletar uma investigação  com consequências - de facto - para os intervenientes de tais "esquemas"?

Carros e Totoloto

Após o sorteio desta manhã realizado no Tribunal Constitucional, ditou o resultado que o nome do candidato C. Silva ficasse em primeiro nos boletins de voto. 

Mas vamos lá ao totoloto, a ordem [ainda provisória] dos candidatos no boletim de voto é a seguinte: 

1 - C. Silva
2 - D. Moura
3 - D. da Silva
4 - F.Lopes
5 - J. Coelho
6 - J. Pedro
7 - M.Alegre
8 - L. Ribeiro 
9 - F.Nobre 


Neste caso, o TC limitou-se a fazer o que tinha de ser feito e dar isentamente uma ordem à sequência dos nomes dos candidatos mas eu cá para mim, diz-me a experiência - eu que já comprei muitos carros usados - que a pior coisa que se pode fazer é comprar imediatamente o primeiro automóvel que nos põem à frente!  
Normalmente é todo bonito, bem polido, com os estofos bem cuidados, muito limpinho e até com um daqueles desodorizantes coloridos pendurado no interior. 
No entanto, o vendedor não tem interesse em mostrar os defeitos ou aquela reparaçãozita no motor ou nos eixos que tanto faz falta... É por isso, também que  esse é o primeiro carro que o vendedor tem mais interesse em despachar! Por isso, analisem bem as opções disponíveis e vão a outros stands antes de escolherem. 


26/12/2010

Tipo raspadinha... Tente outra vez!

Agora, cargos e personalidades à parte...

Quando uma qualquer instituição chega ao ponto de se ver sem capacidade de saldar a sua dívida, o que deve fazer? 

a) pedir ajuda ao Estado
b) contrair outro empréstimo
c) declarar insolvência

Claro, poderão colocar em causa o tipo de instituição de que se trata - pública, público-privada ou privada. Para mim é tudo igual ao litro, mas para eles não! Daí a pontuação:


A resposta c) está errada - falência jamé! - daí zero pontos.
Se respondeu b) tem direito apenas a um ponto
Se respondeu a) tem direito noventa e nove pontos.
Ai! Esqueci-me de avisar no início que 
escolha múltipla era possível...


Independentemente de os Portugueses serem honestos, trabalhadores, etc, porque é que insistem em pôr em em causa a seriedade dos investidores de uma determinada instituição bancária que, quase na bancarrota, conseguiu salvar o coiro (d'alguns) ao absorver mais 40% das ajudas do Estado

Então e porque não se acaba com a agonia e se trazem as guilhotinas para se acabar já com isto?  Ah. OK, já percebi

Pronto, já sei que me vão acusar de "estar a bater no morto", de estar a revolver em assuntos que já deviam estar enterrados. O problema é que não estão e a comunicação social, por obra de algum santo, sei lá, tem a memória curta - ou limitada.

Boa noite

Tipo raspadinha...

Ou seja, todos nós temos de tentar outra vez, para a próxima é que é...


um bocadinho de humildade não faz mal a ninguém

Nostalgia

Hoje lembrei-me de revisitar o café René na pequena aldeia de Nouvion e rever toda a trupe de actores que durante tantos anos me fizeram rir com as suas piadas!


23/12/2010

E o Natal Continua...

Como disse anteriormente, estou farto de músicas de Natal até à raiz dos ossos e repito, já nem posso ouvir o "Last Christmas I gave you my heart" mas... Levado pela curiosidade (definitivamente, não pelo título) de ouvir esta versão interpretada por David Fonseca, lá a ouvi mais uma vez ...


Boas Festas!

22/12/2010

Ele há coisas que uma pessoa lê!

Por exemplo: o DN faz notícia que o director da PSP apresenta queixa contra oficiais da GNR por causa da compra dos blindados que deveriam ter chegado a tempo da Cimeira da Nato (só foram entregues quase dois meses depois, mas isso são favas). A razão é que aparentemente os Agentes da Autoridade da PSP sentiram-se insultados pelo comunicado divulgado pelos Militares da GNR contendo algumas críticas relativas ao custo e ao modelo dos veículos adquiridos. 
Mas pronto, ainda bem que os blindados já foram entregues! É que vai ser preciso estarmos bem equipados, agora que vai estalar a guerra entre a PSP e a GNR! 




O Expresso publica um artigo de opinião sobre o dr. Aníbal Cavaco Silva assinado por Henrique Raposo expondo a triste figura política do actual PR ao aprovar a nova lei de Financiamento dos Partidos. 
Ainda bem que toda a gente sabe que a actual lei está "cheia de alçapões, que torna o dinheiro dos partidos menos transparente";" e que por isso impossibilita a fiscalização por parte da entidade de contas.  
É que a partir do momento em que todos sabemos, tornamo-nos todos cúmplices passivos pela permissão de um tal roubo aos contribuintes! 
E, não se esqueçam,  todos nós de alguma forma iremos deixar de gozar desse dinheiro porque passará a estar do lado de lá em vez de estar a apoiar quem precisa... OK, está bem, os diversos Partidos também precisam - afinal se só podem viver da beneficência legalmente comprovada através de recibo, como é que conseguem pagar as extravagâncias? 


Há cerca de dois dias ficámos a saber que o Estado se prepara para injectar mais 500 milhões de Euros no BPN... Eu pensava que a telenovela já tinha acabado mas afinal tenho vindo a imaginar coisas... afinal o BPN não existe! E eu que até achei o Ministro Teixeira dos Santos merecedor da distinção do Jornal de Negócios que o elege como a personalidade do ano 2010 no plano da Economia! (pelo menos consegue fazer contas de sumir)


Outra coisa que tem vindo a ser badalada até à data é a notícia das 50 medidas do Governo para combater a "crise". Tenho a dizer que é de louvar que haja vontade em criar um conjunto de objectivos específicos a atingir. No entanto há medidas que - na minha perspectiva - por se tratarem de linhas muito generalizadas, deixam dúvidas quanto ao seu objectivo.   



"b) Estimular a criação de emprego através da instituição de um novo modelo de compensação em caso de cessação do contrato de trabalho, tendo em vista a redução do risco de custos de reestruturação empresarial, sem alteração do conceito de justa causa de despedimento individual, através das seguintes medidas, a aprovar através de uma iniciativa legislativa até final do 1.º trimestre de 2011:
i) Promover a criação de um mecanismo de financiamento, de base empresarial, destinado a garantir o pagamento parcial das compensações ao trabalhador por cessação do contrato de trabalho, estabelecendo que este mecanismo de financiamento se aplica aos contratos a celebrar após a data da sua entrada em vigor;
ii) Estabelecer a imposição de limites aos valores da compensação e indemnização devidas ao trabalhador em caso de cessação do contrato de trabalho, aplicável aos contratos a celebrar após a data da sua entrada em vigor."
Numa altura em que o há falta de tudo - capitais, investimento, emprego, [educação de e com qualidade], dinheiro para comer, até que ponto é que estas medidas vão des/equilibrar o Estado Providência? Até que ponto será o Estado Providência capaz de continuar a defender os interesses dos cidadãos sem se tornar discriminatório? Tenho pena por não poder ver estas dúvidas esclarecidas. 

 Eu lembro-me que, quando se discutiu a proposta de Orçamento de Estado para 2011, Passos Coelho andou a fazer publicidade na imprensa internacional sobre as suas propostas enquanto potencial futuro primeiro ministro. Em especial, havia uma que dizia respeito a tornar o tecido empresarial português mais competitivo aligeirando as regras para o despedimento colectivo. 
A mim, outsider e leigo nas matérias, resta-me apenas a chamada "teoria da conspiração" ou seja, uma historieta plena de fantasia e ares de adivinhação que nada têm de real. Ora aí vai: fica-me a dúvida se não terão algumas destas medidas resultado de propostas camufladas vindas do outro lado da bancada e sido o preço a pagar pela aprovação da proposta do Governo para o Orçamento de Estado de 2011 pelo PSD. Eu sei, eu sei... é apenas mais uma patetice minha, mas pronto - tenho destas coisas!


21/12/2010

Happy Christmas

Bem, já não posso mais ouvir o "Last Christmas I gave you my Heart", a música que de tão repetida já enjoa! Aliás são já raras as músicas alusivas ao Natal que não cansam o ouvido!


Da minha parte abro uma excepção a Happy Christmas de Lennon, talvez porque não seja tão badalada, quiçá. Por isso mesmo, a todos vós, desejo-vos um Happy Christmas,


um Feliz Natal!


Ferreira


20/12/2010

Liberdade de Informação


O jornal Público publicou um artigo que expõe o caso da Jornalista são-tomense  Conceição Lima, que foi informada do cancelamento por ordem do primeiro ministro do seu programa televisivo "Em Directo". Noutras palavras, trata-se de um extremo ataque à liberdade de informação naquele país. Ora veio-me, pois, à cabeça um outro caso em Portugal, o qual gerou bastante polémica por ter levado ao cancelamento de um determinado formato considerado informativo (leia-se o último parágrafo).

Sem querer "desenterrar o morto" ou "procurar o criminoso", acho que a diferença é que a jornalista portuguesa por acaso não estudou jornalismo em Portugal, nem chegou a tirar uma licenciatura pelo King's College de Londres (se é que chegou mesmo a tirar o que quer que fosse como curso), não teve 20 anos de experiência na BBC nem publicou dois livros. Por seu turno, a jornalista são-tomense, não revelando dotes musicais, conseguiu mesmo assim fundar um semanário independente e tornar-se uma referência da poesia africana. À ultima, desconheço-lhe supostas ligações directas à política, a partidos políticos ou a grupos económicos supostamente ligados a um partido com grande representação popular. Em suma, é difícil não encontrar os gatos escondidos com o rabo de fora... 

Este é mais um caso que surge neste período interessante que estamos a viver, já que os temas "Liberdade de Expressão" e o "Direito à informação" estão na ordem do dia. 


Depois de o sítio Wikileaks divulgar documentos de natureza confidencial relativos à guerra no Afeganistão e, mais recentemente, às mensagens expedidas pelas várias embaixadas americanas já muito se disse e escreveu sobre ética, sobre o valor dessa informação ou sobre o direito de cada cidadão do planeta saber das aventuras e desventuras que os representantes diplomáticos americanos experenciaram junto dos seus interlocutores nacionais. Mas a questão fundamental é até que ponto a divulgação de tais documentos poderá contribuir para uma diplomacia mais aberta e para que os processos políticos sejam mais transparentes?

O tema dá pano para mangas e é melhor esperar pelos próximos episódios!

19/12/2010

Aguardando a Trova do Vento que Passa

Manuel Alegre:
"Comigo na Presidência da República, como aconteceu com Jorge Sampaio e com Mário Soares, os portugueses terão alguém que defende a cooperação institucional numa base de lealdade, moderação e fidelidade à sua própria interpretação dos sentimentos do país", disse.
in JN online


18/12/2010

Personalidades do Ano 2010

O Jornal de Negócios elege como Personalidade 2010 no plano da economia o actual Ministro das Finanças, Teixeira dos Santos:

"Começou politicamente forte, acaba politicamente fraco. Ninguém como ele foi omnipresente em Portugal no ano de 2010. De 1 de Janeiro, a negociar medidas de austeridade, a 31 de Dezembro, a cumpri-las, fez dois Orçamentos, três PEC, dois acordos com o PSD, preparou o maior choque recessivo da democracia, anunciou medidas para o crescimento. Foi já bestial e besta. Mas foi ele o homem presente todos os dias, a governar, legislar, orçamentar, a falar, a gerir a crise. Fernando Teixeira dos Santos é a Personalidade de 2011 da economia portuguesa. 

Recomendo a leitura completa deste texto, já que, de facto, Teixeira dos Santos foi incontornavelmente o homem mais forte da economia portuguesa neste ano - passou ao lado dos escândalos em torno do PM, passou mesmo a estar mais exposto e visível que ele e acabou por se tornar em alvo de críticas pelas impopulares medidas de austeridade que recomendou e tem vindo a levar a cabo em vários sectores.

Depois das coisas sérias, o Ferreira- On the Road gostaria de eleger José Mourinho como Personalidade 2010 das Matemáticas. Quando lhe é perguntado qual a nota que atribuiria a si mesmo: "«Se olharmos para 2010, foi o melhor ano da minha carreira. De 1 a 10 teria nota 11 (...)"

O Ferreira- On the Road gostaria também de eleger o Prof. Aníbal Cavaco Silva como Personalidade 2010 da Filantropia pelo seu discurso durante um jantar no Casino Estoril - onde entre outras iguarias foram também servidos pão e água -  e no qual considerou que os portugueses têm de se sentir "envergonhados" por existirem em Portugal pessoas com fome (..)

Finalmente sem distinção, gostaria de atribuir a Menção Honrosa "Se a Ignorância Ultrapassa a Incompetência, Deveriam Ser Condenados a Estudar Latim e Grego Para o Resto das Suas Vidas" ao Ministério dos Negócios Estrangeiros e a todos os Senhores Doutores,  Advogados e "Carreiristas" de Profissão que indoutamente ignoraram os Pareceres Negativos Contra o Acordo Ortográfico e que promulgaram a adopção do dito Acordo sem consulta aos cidadãos falantes, ou seja, de modo unilateral. A tais mentes iluminadas sem tempo para ler o que assinam aconselho a leitura sucinta de  António Emiliano e requeiro que se declare a nulidade do dito Acordo o quanto antes. 

Altos vôos 6

.... e mergulhos!


































surripiado do Público Online

17/12/2010

altos vôos 5

Da entrevista a Ana Gomes, SOL:

"A eurodeputada socialista Ana Gomes considerou hoje que as investigações sobre a utilização de Portugal para voos da CIA, com presos de Guantanamo, nunca deveriam ter sido encerradas pela Procuradoria Geral da República."



Ora, digo eu, ainda falta explicar que o processo de investigação deve ter sido encerrado porque se chegou à conclusão de que os vôos secretos - que não aconteceram - por isso permaneceram secretos - apenas se destinavam ao transporte de turistas para Cuba mas que por erro do piloto foram aterrar numa base militar - azar. (consegui ser convincente?)

novamente da entrevista:
«As investigações, o que se sabia [do caso] exigia mais apuramento de responsabilidades. Agora as coisas estão a vir a lume por outra via, que ninguém contava. Vamos aguardar», disse."


Pois é, como o remédio é a transparência (p.19)  lá vamos nós ficar à espera dos próximos telegramas...


Fonte: SOL Online


16/12/2010

altos vôos 4

Ontem, pelo final da noite, estava eu a dar uma mirada ocasional no jornal de nuestros hermanos, o el pais, e eis senão quando percebo que tinham acabados de ser publicados novos telegramas fresquinhos, bem fresquinhos sobre os vôos da CIA. 
Fiquei em transe quando descobri que tinha à minha frente fontes de coscuvilhice que ainda nem eram pensadas pelos jornais... Sabem, como o Largo foi à vida, já não há onde aliviar o stress... é uma maçada! E vai daí, de cabeça quente, toca de escrever, toma! O problema é que escrever com base em informação insuficiente ou má é o pior erro que se pode cometer  - não quero com isto dizer que me arrependo de tudo o que escrevi mas observo que poderei ter exagerado num ponto ou noutro à boa maneira do "jornal do incrível". 
Dizem que a almofada é uma boa conselheira, pois, é verdade. Deveria ter guardado o ímpeto para escrever com mais clareza e com base em mais informação. Mas é assim a vida, umas vezes acerta-se outras nem por isso. Mas, repito, não foi má fé, foi apenas... o.... calor dos Trópicos... Bom, já vi que não estou em maré de escrita, vou dedicar-me à pesca, que parece ser mais produtivo. Até mais!

fonte: http://cooldany.files.wordpress.com/

15/12/2010

altos vôos 3

Existem a partir desta noite 4 ou 5 novos documentos sobre os vôos da CIA via Portugal. Desde o pedido oficial ao Ministro Amado, à alegada autorização do Primeiro Ministro, até este em que Amado confirma a ajuda aos EUA. Não tenho mais tempo para traduções por agora mas fica aqui o original. 





CIA Flight Inquiry Complicates Gitmo Repatriation Request 

--------------------------------------------- --------------- 
9. (S/NF) Amado has told me that he would like to assist us in our efforts to repatriate Guantanamo detainees through  Lajes AirBase. However, given intense CIA Rendition scrutiny 
and his own party's left wing opposition to his pro-US slant, Amado underscored the need to be on firm legal ground before consenting to do so. Subsequent conversations with MFA staff 
indicate that Amado is awaiting the US to address his concerns before responding to our request. 

10. (S/NF) I would like to underscore the delicate balancing act Amado is confronting in minimizing damage to his government - however unwarranted - due to previous CIA 
Rendition investigations while trying to convince it to grant our request for access to Lajes AirBase. Unrelenting media and political attacks which have been ongoing for months 
resulted in an atypical outburst before Portugal's Parliament earlier this week. Amado publicly offered to resign if anyone could prove the government was complicit in an illegal act 
related to CIA flights on Portuguese territory. It would be of great assistance if you could personally express appreciation for Amado's steadfastness in supporting the US 
position on this issue and his continued contribution of troops to global operations. 

Comment 
------------ 
11. (C) I believe you will find the Minister intelligent, deliberate, and engaging. He will likely raise the possibility of Prime Minister Jose Socrates meeting with President Bush in Washington before Portugal assumes the EU Presidency. I urge you to support this request, and as early 
as possible, particularly in view of the fact that it was made almost two years ago and that Portugal is now working on the joint EU agenda with Germany and Slovenia. Amado will 
also be exploring opportunities to invite high level USG officials, including yourself, to Portugal during its EU Presidency and might try to revitalize a BMENA Conference which did not receive an enthusiastic State Department response. 




O que este telegrama revela é muito... grave?... não sei - amanhã os jornais e as televisões saberão fazer uma melhor análise do que eu agora.    




Caso o leitor esteja interessado em explicar-me o que Portugal tem a ganhar ao prestar ajuda aos EUA em matérias sensíveis e também no lobbying junto da UE [está aqui mais ou menos isso escarrapachado, em referência à presidência da UE ], peço que diplomaticamente e em privado me envie uma mensagem para o e-mail ferreira.ontheroad@yahoo.co.uk.


Cordialmente


Ferreira